27 mar, 2020
sex
em preparação Terra Café com teatro Depois do Fogo! e da Água, chegamos agora à Terra, o lugar onde teremos de aprender a viver de um outro modo...Estreia no Dia Mundial do Teatro.
Classificação
Maiores de 6
Duração
60 minutos
27 mar, 2020
sex
Depois do Fogo! e da Água, chegamos agora à Terra, o lugar onde teremos de aprender a viver de um outro modo...Estreia no Dia Mundial do Teatro.

em preparação

estreia

Classificação
Maiores de 6
Duração
60 minutos

Calendarização

27 mar
sex
22:00
Tondela  (Bar ACERT)
29 mar
dom
18:00
Santa Comba Dão  (Centro Paroquial)

Terra

Café com teatro

A Terra é muito mais que um ponto azul navegando no Universo. É casa, refúgio, mãe, deusa, matéria, é chão que pisamos, pulmão, semente, solo de onde brota a erva e a água. Carne que se rasga até às entranhas para deixar sair o fogo feito lava. Terra, território de que nos apropriamos, por vezes roubamos e disputamos. Terra que lavramos e semeamos, e repetimos o gesto vezes sem conta, esgotamos, cansamos poluímos, desertificamos, não cuidamos, maltratamos.

Após os incêndios de outubro de 2017, o Trigo Limpo teatro ACERT fez nascer um novo projeto de criação e circulação teatrais, Café com Tea­tro, e construiu já dois espetáculos no âmbito desse projeto: Fogo! e Água, estreados no Bar ACERT, a 16 de março e a 25 de maio de 2018, respetivamente, partiram em digressão, fora de portas, pelas fre­guesias do concelho de Tondela que foram afetadas pela catástrofe, bem como por outras localidades que desejaram refletir, de maneira di­vertida e poética, sobre os efeitos das alterações provocadas pelo ser humano no meio ambiente. E nestes espetáculos, rimo-nos de quê? Da nossa impotência perante a força dos elementos e da pequenez que sentimos quando somos confrontados com os erros que comete­mos na relação uns com os outros e na nossa relação com o planeta Terra.

Ficha técnica e artística

Texto: Vários autores
Dramaturgia: Pompeu José e Raquel Costa
Encenação: Pompeu José
Interpretação: António Rebelo, Ilda Teixeira, Raquel Costa
Cenografia: Coletiva
Desenho de luz: Paulo Neto
Sonoplastia: Luís Viegas
Figurinos: Coletivo
Desenho gráfico: Zétavares
Produção: Marta Costa
Apoio à produção: Rui Coimbra