16 mar , 1988
QUA
fora de cena LavoDente Trigo Limpo teatro ACERT
16 mar , 1988
QUA

fora de cena

Calendarização

16 mar
qua
até
18
MAR
SEX
  ()

LavoDente

Trigo Limpo teatro ACERT

"Lavodente” é o primeiro projecto experimental direccionado para temáticas e formas de intervenção determinadas. Partindo de sessões de trabalho com técnicas de saúde, elaborou-se uma dramaturgia inspirada na fábula, e projectou-se a representação para universos didácticos não paternalistas.

Este projecto veio a demonstrar a função educativa que o teatro poderia desempenhar, sem cedências a um estilo pedagógico imediato. Partia-se da situação de prevenção que se desejava abordar para o jogo dramático lúdico e imaginativo, estabelecendo fortes empatias com o público a que se destinava.

Ficha técnica e artística

Estreia: 16, 17 e 18 de Março de 1988
Campanha de saúde oral

Texto e encenação: José Rui
Adereços: Ana Mamede
Elenco: Carla Torres, Carlos Silva e José Rui Martins


Excerto do Texto

(Ele come com satisfação uma maçã)
BICHO – (grita de dentro de maçã) Ih, ih, ih, ih.
ELE - Que é lá isto? Ouvi gritar aqui dentro. (Chocalha a maçã, ouvindo-se o som) Anda aqui alguma coisa… (Espreita. Sai lá de dentro um bicho, assusta-se) Olá, tu por aqui? Quem és?
BICHO - Sou um bicho que anda danadinho por comer. Aproveitei esta maçã, porque não estava tratada.
ELE - Está doente, queres tu dizer.
BICHO - Isso. E como está doente tive facilidade de cá me meter dentro.
Ela não se soube defender.
ELE - Então eu estava a comer uma maçã doente e quase te trincava.
BICHO - É verdade, estava eu encostado ao caroço a descansar e ouvi um barulho tremendo. Até julguei que era uma faca.
ELE - Se fosse uma faca não te safavas.
BICHO - O meu pai morreu assim… (chora)
ELE - Pronto, não chores, eu não vou comer a maçã nem vou deixar que tu morras…
(aconchega-o ao ombro)
BICHO - E vais-me deitar onde? Deixas-me sozinho?
(…)

excerto do texto “Lavodente”