ACERT INDEX Sobre a Associação Programacao Teatro Trigo Limpo Basquetebol Escalada Outros Projectos Formacao
programacao
voltar a página anterior voltar à página anterior
ACERT em destaque na região Centro
ACERT em destaque na região Centro
A cultura pode vingar no interior...


O jornal Público destaca actividades que mais acrescentam qualidade e prestígio à região centro do nosso país e que constituem nichos de excelência, que são garantia de futuro para a zona centro. Mais do que destacar actos, figuras ou acontecimentos, o Público, no final de 2006, optou por instituições, áreas de actividade ou acontecimentos que, pelo seu desempenho, enquadramento ou pelo serviço que prestam à comunidade, representam uma real mais-valia para a região centro. Mas, mais do que aquilo que representam, a escolha teve essencialmente em conta o potencial que encerram numa perspectiva de futuro. Entre os seis destaques do Público está a Acert, prova viva de que a cultura pode vingar no interior.

Quem entender a Cultura como uma dimensão do desenvolvimento humano e progresso social e for sensível à questão da descentralização da oferta cultural não poderá de sentir uma dívida para com a ACERT - Assocciação Cultural e Recreativa de Tondela e ao Trigo Limpo, o grupo de teatro que lhe deu origem, associando-se, em espírito, à comemoração dos 30 anos da companhia que se festejaram em 2006.
O visitante desprevenido não deixará de se surpreender ao descobrir em Tondela, concelho de 10 mil habitantes, um equipamento como o Novo Ciclo Acert, com duas salas de espectáculo, auditório ao ar livre, espaços de café-concerto, oficinas de formação, salas de produção, espaço comercial de produtos culturais e restaurante. O visitante distraído poderá até pensar que, dada a dimensão de Tondela, está diante de um "elefante branco".Puro engano, o Novo Ciclo Acert é, quanto muito, uma formiga, que porfia, teimosa, no desenvolvimento de um projecto cultural coerente no interior e que tem resultados para apresentar, como taxas de ocupação da ordem dos 80 por cento.
Fundado e dirigido pelo actor e encenador José Rui Martins, o Trigo Limpo, como a designação sugere, nasceu em 1976, das searas de liberdade evocadas pelo 25 de Abril, como projecto revolucionário de intervenção cultural itinerante e envolvimento com as populações rurais.
Grande parte deste espírito mantém-se intacto.
O sucesso da ACERT é também a prova que uma associação cultural activa, progressista e naturalmente subversiva pode estabelecer boas relações de colaboração, em nome do interesse geral, com um poder autárquico de centro-direita. Carlos Marta, antigo líder da Comissao Distrital de Viseu do PSD e presidente da Câmara de Tondela, compreendeu a importância da presença da ACERT no concelho.
Em 2005, por exemplo, a ACERT promoveu 18 exposições, 68 espectáculos de teatro e dança, 49 concertos, 150 sessões de cinema, 469 horas de acção de formação... E há vários anos que organiza o Finta (Festival Internacional de Teatro), o Tom de Festa (Festival de Musicas do Mundo), o Jazz em Tondela e o Tom de Video.
in Público -  31 Dezembro de 2006

______________
2007-01-22
Comentarios
Não existem comentários a esta notícia!
Para adicionar um novo comentário, clique aqui.


Pesquisar



Calendario
Mes Anterior Março 2019 Proximo Mes
S T Q Q S S D
        1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30 31



Newsletter
Receba as últimas novidades da ACERT no seu email



https://www.acert.pt/novociclo/noticia.php?id=345

https://issuu.com/acert/docs/agenda_t1_2019_



Noticias

2019-01-09
» EDITORIAL