ACERT INDEX Sobre a Associação Programacao Teatro Trigo Limpo Basquetebol Escalada Outros Projectos Formacao
programacao
voltar a página anterior voltar à página anterior
Carta ao Zeca
Carta ao Zeca


Carta a um amigo maior que o pensamento

Tondela, 28 de Julho de 2012

Queridíssimo Zeca,
um grande, enorme abraço.

Já não estamos juntos, assim lado a lado, desde que fizeste essa viagem para o único céu em que podias estar no o céu da memória. E esse é um lugar em que estás connosco, e nós contigo; mas atenção… sem comemoracionismos de circunstância ou oportunas, convenientes e solenes ritualizações.
É que, de facto, continuamos juntos nesta estrada por onde os amigos vêm: a ouvir-te, a cantar-te e, sobretudo, a sentir-te perto. E procuramos partilhar a força teimosa e doce com que defendeste as âncoras da liberdade e da justiça; a alegria da criação com que construíste inigualáveis textos e melodias; a individualidade do livre-pensador que concretizaste na alteridade e na consideração do outro como produtor do seu próprio “eu”.
E, porque em todas as fronteiras é bem-vindo quem vier por bem, aqui prolongamos uma festa começada na Galiza, em Santiago, que te homenageia mas, muito mais do que isso, te tem presente; afinal, que nos celebra a todos e à vida numa terra que queremos da fraternidade. Para que tu, feroz e amorosamente, nos soubeste mobilizar.
Esta é também, Zeca, a prova que continuas aqui connosco a participar na realização de acontecimentos desta natureza; ou pensas que, em tempos que não gostarias de viver (mas a que saberias resistir e dar combate), era possível concretizar um concerto com estes participantes e com a sua solidariedade cúmplice, se não fosses tu o seu verdadeiro produtor?

Recebe, então, esta carta de saudade mas, sobretudo, de esperança, de todos os que aqui estamos e dos que cá queríamos estar. Porque sabes bem que qualquer um de nós, mesmo que não te tenha conhecido, é teu amigo também.

Tua,
ACERT

Tom de Festa’12
Terra da Fraternidade

Aqui se credita a Fernando Catroga
a expressão “céu da memória”,
alma e nervo desta carta.

 


______________
2012-07-10
Comentarios
Existem 1 comentários.
Para adicionar um novo comentário, clique aqui.


Manuel Rocha | 2012-08-01
Sou da Póvoa de Varzim, já visitei a vossa associação por duas vezes, adorei, parabens pelas belas iniciativas.
Que pena não poder estar presente no tributo ao Zeca, já soube que foi um grande de grandes momentos, um barço para todos os tornam possivel o vosso trabalho.


Pesquisar



Calendario
Mes Anterior Março 2019 Proximo Mes
S T Q Q S S D
        1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30 31



Newsletter
Receba as últimas novidades da ACERT no seu email



https://www.acert.pt/novociclo/noticia.php?id=345

https://issuu.com/acert/docs/agenda_t1_2019_



Noticias

2019-01-09
» EDITORIAL